Jogos na Alfabetização Matemática

Curso: Jogos na Alfabetização Matemática
Apresentação:   A utilização de jogos e brincadeiras na escola, com a finalidade explícita de ensinar, data de meados do século XIX. Considerado como o fundador dos jardins de infância, Friderich Froebel, já naquela época, defendia o seu uso em sala de aula. Mais recentemente, diversos pesquisadores vêm se debruçando sobre as potencialidades pedagógicas do uso de jogos no ensino de forma geral e em particular na Educação Matemática. É importante observar que o jogo pode propiciar a construção de conhecimentos novos, um aprofundamento do que foi trabalhado ou ainda, a revisão de conceitos já aprendidos, servindo como um momento de avaliação processual pelo professor e de autoavaliação pelo aluno. Trabalhado de forma adequada, além dos conceitos, o jogo possibilita aos alunos desenvolver a capacidade de organização, análise, reflexão e argumentação, uma série de atitudes como: aprender a ganhar e a lidar com o perder, aprender a trabalhar em equipe, respeitar regras, entre outras. No entanto, para que o ato de jogar na sala de aula se caracterize como uma metodologia que favoreça a aprendizagem, o papel do professor é essencial. Sem a intencionalidade pedagógica do professor, corre-se o risco de se utilizar o jogo sem explorar seus aspectos educativos, perdendo grande parte de sua potencialidade. Na próxima seção, aprofundaremos a discussão sobre a postura do professor na utilização de jogos em sala de aula.
Professor: Fabiana Varanda Jorge
Carga Horária: 40 h
Público Alvo: Pessoas interessadas no estudo de  Jogos na Alfabetização Matemática. 
Objetivo:  “Jogos na Alfabetização Matemática” tem como objetivo auxiliar no trabalho com a Alfabetização Matemática. De acordo com nossos pressupostos, compreendemos que o jogo em sala de aula não pode ser visto como um mero passatempo. Por esse motivo, com vistas a auxiliar o trabalho pedagógico e ampliar as potencialidades do uso de jogos no desenvolvimento dos conceitos matemáticos, uma série de considerações são necessárias, em particular as que tratam do papel do professor. Apresentaremos algumas dessas considerações, possibilidades e sugestões para o uso dos jogos na Alfabetização Matemática e jogos especialmente selecionados para o ciclo de alfabetização.
Metodologia: As aulas serão ministradas no formato EAD, material disponível no ambiente virtual da Faculdade de Guarantã do Norte – Unifama. Após a leitura do material, o cursista deverá realizar a avaliação, tendo duas chances para realizar e acertar as questões, obtendo média satisfatória, apresentando o período de 20 dias após á matricula, o cursista estará apto para imprimir seu certificado.
Conteúdo:Jogos na Educação Matemática

Encaminhamentos Metodológicos

Iniciando o jogo, Durante o jogo, Depois do jogo

Avaliando os alunos em situação de jogo

A Educação Inclusiva

Apresentando o Material

Jogos de Números e Operações

Jogo com as duas mãos, Jogo de Disco mágico, jogo Boca do palhaço, jogo Cubra a diferença, jogo Cubra o anterior, Jogo das operações, Jogo para ou arrisca, Jogo A bota de muitas léguas, Jogo Cubra os dobros, Jogo Viagem à lua, Jogo Pintando o sete, Jogo Travessia do rio, Jogo Acerte o alvo, Jogo Pensamento algébrico, Jogo o que mudou?, Jogo Na direção certa, Jogo Trilha dos sabores, Jogo das figuras, Jogo Dominó geométrico, Jogo Equilíbrio geométrico, jogo Grandezas e medidas, jogo Calendário dinâmico, jogo Marcando as horas, Jogo Educação Estatística, Jogo Corrida de peões, Jogo Cara ou coroa.

Forma de Avaliação: Resolução de dez questões.
                                         Inscreva-se aqui.